Notícias

Tiro esportivo brasileiro faz figuração em Londres 2012

Representantes do País terminaram em colocações inferiores

  • -A
  • +A

Filipe Fuzaro encerrou no 17º lugar. Foto: Sergio Moraes / Reuters

Do R7

O tiro esportivo foi responsável pelas primeiras medalhas olímpicas da história do Brasil. Na primeira participação da delegação brasileira, em Antuérpia 1920, foi conquistado um ouro, uma prata e um bronze, todas no tiro.

Porém, de lá para cá, apesar do feito, a modalidade não trouxe mais nenhuma medalha para o País, se limitando a participar sem brilho nos Jogos Olímpicos. Algo que se repetiu em Londres 2012.

O Brasil foi representado por apenas dois atletas: Ana Luiza Ferrão, de 38 anos, e Filipe Fuzaro, de 29. Ambos foram eliminados ainda na fase eliminatória.

Veja como foi a cerimônia de encerramento

A brasileira foi a última colocada na pistola de 25 m entre 39 competidoras. Já Filipe, na fossa dupla, encerrou sua campanha em 17º lugar, longe da vaga na final.

A expectativa é que a modalidade leve mais atletas para os Jogos do Rio 2016, mas alcançar um pódio ainda é uma meta distante diante dos fracos resultados internacionais.