O Rico e Lázaro Nada boazinha, Julia Maggessi volta para a Record TV vivendo a sedutora Sammu-Ramat

Nada boazinha, Julia Maggessi volta para a Record TV vivendo a sedutora Sammu-Ramat

Logo no primeiro capítulo, a atriz interpretou cenas intensas 

Nada boazinha, Julia Maggessi volta para a Record TV vivendo a sedutora Sammu-Ramat

A atriz divide a personagem Sammu-Ramat com Christine Fernandes

A atriz divide a personagem Sammu-Ramat com Christine Fernandes

Thyago Andrade/Brazil News

Julia Maggessi já é bem conhecida na telinha da Record TV. Foi uma das revelações de Prova de Amor, quando interpretou a Nininha. Atuou em Os Mutantes - Caminhos do Coração como a mutante Ângela e também em Máscaras, no ano de 2012.

A atriz retorna à Record TV como a cruel Sammu-Ramat na primeira fase de O Rico e Lázaro. Em entrevista ao site oficial, ela contou sobre seu início na televisão, a experiência de viver uma personagem diferente de tudo que já fez e como foi sua preparação para novela.

A atriz, que começou aos dois anos na televisão, comenta que até agora vinha encarando as outras personagens como uma brincadeira e que Sammu-Ramat é a personagem mais complexa de sua carreira.

— Eu não sabia muita bem o que eu estava fazendo. Tinha consciência de que era sério, mas estava só indo no automático. A Sammu-Ramat é a personagem mais complexa de todas. E como as personagens de O Rico e Lázaro são muito bem desenvolvidas, é muito fácil se apaixonar por elas, ela é malvadinha, mas é maravilhosa. 

Julia conta que está muito empolgada em fazer uma personagem sedutora. Ela comenta que Christine Fernandes, que viverá Sammu-Ramat da segunda fase em diante, foi muito importante na sua preparação.

— Eu e Christine criamos juntas a nossa Sammu-Ramat. A gente sentou, conversou sobre o passado dela antes de tudo que acontece na novela, e fomos construindo juntas. Então, temos muitas coisas em comum, alguns trejeitos, coisas para se fazer com a mão, postura, olhar, aprendi tudo com ela.

Logo no primeiro capítulo, a pequena Sammu-Ramat foi vendida pelo pai

Logo no primeiro capítulo, a pequena Sammu-Ramat foi vendida pelo pai

Reprodução/Instagram

Diferente de Sammu-Ramat, Julia conta que não é nada vaidosa e com isso teve que aprender a ser para enfrentar seu novo desafio.

— A Sammu-Ramat jovem não é tão sedutora assim, usa essa 'arma' nos momentos certos, quando tem que convencer alguém de alguma coisa. Ela sabe as armas que tem, consegue ser sexy, dramática, só que não muito porque tem só 16 anos. A maldade está presente, mas apela mais para o drama. E conversei muito com Christine que me ensinou muita coisa. Ela foi maravilhosa comigo o tempo inteiro.

A atriz conta que a personagem não tem nada a perder, sempre sofreu muito e que não entende que são maldades.

— Ela sempre viu todo mundo sempre fazendo de tudo para conseguir o que quer. Assistiu muita violência, coisa pesada. Então pra ela algumas coisa são super normais, faz em nome da deusa e acredita que essa deusa coloca as oportunidades para ela.

Para finalizar, ela diz que as pessoas podem esperar muitas surpresas de Sammu-Ramat.

— As vezes ela tem umas atitudes imprevisíveis. Fala tudo que ela é capaz de fazer, mas não sei se as pessoas vão acreditar porque ela é muito pequenininha, aparenta ser muito frágil, mas só até a segunda página.

    Access log