Plano Alto Carla Diaz será Lucrécia em Plano Alto: “É um divisor de águas na minha carreira”

Carla Diaz será Lucrécia em Plano Alto: “É um divisor de águas na minha carreira”

Atriz fala sobre personagem black bloc na minissérie que aborda o cenário política

Carla Diaz será Lucrécia em Plano Alto: “É um divisor de águas na minha carreira”

Carla Diaz interpreta estudante de jornalismo em Plano Alto

Carla Diaz interpreta estudante de jornalismo em Plano Alto

Jéssica Montes/R7

De menina a mulherão, Carla Diaz viverá uma jovem black bloc, estudante de jornalismo, na minissérie Plano Alto. Em entrevista ao R7, a atriz revela que considera a personagem um divisor de águas em sua carreira.

─ Ela é uma moça insatisfeita com a política brasileira, que vai às ruas e participa ativamente de protestos, em busca de um país melhor. Lucrécia é uma estudante de jornalismo e, extremamente curiosa, tenta achar verdades encobertas no meio político. Muitos casos serão desvendados por conta da insistência da personagem. Trata-se de uma mulher madura, que com certeza será um divisor de águas na minha carreira e vai marcar.

Durante a infância, Lucrécia foi abusada sexualmente. De acordo com Carla Diaz, a personagem se divide em lados forte e frágil.

─ Apesar de querer “brigar” por um ideal, até mais pelo bem dos outros, Lucrécia carrega uma mágoa enorme. Esta é a parte sensível da jovem, estuprada aos 11 anos de idade. Acho que todo trauma leva um tempo para ser curado e o abuso fez parte da história dela.

A atriz conta que já participou de manifestações e considera a iniciativa o primeiro passo para novas conquistas de um povo.

─ Fui a um protesto, bastante pacífico. Como toda manifestação tem um lado violento, sentimos medo e ficamos tensos em relação ao que pode acontecer no local. Muitas vezes, sofremos as consequências de atitudes erradas do próximo. Apesar disso, a população deve, sim, ir às ruas. Isso é sinal de que há insatisfação.

A minissérie começa no dia 30 de setembro, pouco antes das eleições de 2014. Para a atriz, o público deve refletir sobre o quadro político brasileiro.

─ A ideia da Record foi muito inteligente. O voto de cada cidadão é extremamente importante para o futuro do país e é hora de pensar em candidatos.  Não adianta querermos um diferencial e não lutarmos.

Carla Diaz revela, ainda, que Lucrécia terá um romance com Rico (Bernardo Falcone), filho do deputado federal João Titino (Milhem Cortaz) e neto do governador do Rio, Guido Flores (Gracindo Junior).

─ No meio da trama, Rico (Bernardo Falcone) vai se identificar com o lado “guerreiro” da personagem e os dois terão um envolvimento amoroso. Ele descobrirá o lado frágil de Lucrécia.

    Access log