Balanço Geral Manhã RJ Presidente da CBF é afastado após denúncia de assédio sexual e moral

Presidente da CBF é afastado após denúncia de assédio sexual e moral

Rogério Cabloco recusou entregar cargo; comissão de ética decidiu pelo afastamento de 30 dias do executivo

O presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), Rogério Cabloco, foi afastado por 30 dias após denúncia de assédio sexual e moral por uma cerimonialista. Após ele se recusar a deixar o cargo, a comissão de ética da confederação se reuniu em caráter de urgência no domingo (8) e decidiu pelo afastamento. Rogério comandava a CBF desde 2019.

Últimas