Capitão da PM é preso por usar farda para vender imóveis irregulares

Vitor Alexandre de Araújo foi preso suspeito de pertencer a um grupo de milicianos que ocupou irregularmente o Parque Estadual da Pedra Branca, na zona oeste do Rio de Janeiro. O local pertence a uma área de preservação ambiental, onde a quadrilha construiu e comercializou casas que ocupam o morro sobre uma via expressa. Além do capitão, outras cinco pessoas foram detidas durante a operação. Para assistir ao Balanço Geral Manhã na íntegra, acesse PlayPlus.com