Chefe de milícia é preso pela morte de policial federal

Pouco antes de se aposentar, Ronaldo Heeren dizia aos amigos que pensava em se aposentar. O agente de 58 anos era solteiro, não tinha filhos e trabalhava há mais de 20 anos na corporação. Neste sábado (15), policiais rodoviários federais prenderam Leandro Pereira da Silva na rodovia Presidente Dutra. As mensagens de celular encontradas no celular do miliciano revelaram o plano para atacar o policial federal. Para assistir ao Balanço Geral Manhã na íntegra, acesse PlayPlus.com