Família recolhe latinhas para salvar menina com doença rara

Julia e Everton Machado tem o prazo de seis meses para salvar a vida da filha, de um ano e meio. Emily sofre de atrofia muscular espinhal, uma doença degenerativa que atinge as funções motora e respiratória e diminui a expectativa de vida. O fio de esperança para a criança surgiu com a regulamentação de medicamento nos Estados Unidos chamado Zolgensma, capaz de controlar a doença. No entanto, ele custa o equivalente a R$ 9 milhões e ainda não chegou ao Brasil. Para assistir ao Balanço Geral Manhã na íntegra, acesse PlayPlus.com