Testemunhas da morte de PM sofrem ameaças após crime

Paulo Henrique Varuzza foi executado a tiros durante uma festa entre policiais, em Rio Claro, no interior de São Paulo. Vizinhos que presenciaram a cena afirmaram que nenhum dos participantes socorreu o soldado baleado. Além disso, o local do crime também teria sido alterado para esconder provas e testemunhas estariam sendo ameaçadas. Para assistir ao Balanço Geral Manhã na íntegra, acesse PlayPlus.com