Balanço Geral RJ Menina de 8 anos é vítima de preconceito nas redes sociais por ter tipo raro de nanismo

Menina de 8 anos é vítima de preconceito nas redes sociais por ter tipo raro de nanismo

A pequena Luiza, de 8 anos, tem um tipo raro de nanismo e foi vítima de preconceito nas redes sociais. Os comentários nas postagens levaram a mãe da menina a procurar a polícia e fazer um boletim de ocorrência virtual e ao tentar responder as críticas, ela teve a conta banida da rede social.

Últimas