Pesquisadores do Rio podem ajudar a salvar corais nas praias do Nordeste

Pesquisadores da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e do AquaRio desenvolveram um estudo que pode ajudar a salvas os corais nas praias do Nordeste. Eles descobriram que os probióticos usam o óleo como fonte de alimento e ajudam na degradação dos resíduos. Com início em 2016, a pesquisa brasileira ganhou reconhecimento internacional.