Profissionais da saúde denunciam falta de medicamentos no hospital de campanha do Maracanã

Funcionários do hospital de campanha do Maracanã, na zona norte do Rio, denunciaram a falta de medicamento na unidade. Segundo eles, não houve também o repasse do Iabas (Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde) para pagamento de salário dos profissionais. A Secretaria Estadual de Saúde informou que a falta de medicamentos não afetou o tratamento dos pacientes e disse ainda que cobrou ao Iabas que cumpra as determinações do contrato, sob pena de multa.