Risco de morte: medicamentos tarja preta são vendidos sem receita

A apreensão de 19 mil caixas de medicamento controlado numa farmacia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro, acendeu um alerta. É cada vez mais comum a venda desses produdos sem receita. O Conselho Regional de Farmácia alerta: usar um medicamento tarja preta sem recomendação médica pode levar a morte.