Balanço Geral RJ Vídeo mostra Marcinho bebendo horas antes de atropelamento no Rio

Vídeo mostra Marcinho bebendo horas antes de atropelamento no Rio

De acordo com o delegado Alan Luxardo, polícia não pôde confirmar se jogador estava alcoolizado devido a lapso temporal

A Polícia Civil finalizou na última terça-feira (2) o inquérito que acusa o jogador Marcinho de duplo homicídio culposo (quando não há intenção de matar) pelo atropelamento de um casal de professores no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio, em dezembro do ano passado. Segundo o delegado Alan Luxardo, imagens de câmeras de seguraça de um bar no Engenho de Dentro, na zona norte da cidade, mostram que o jogador ingeriu cerca de cinco chopps e uma água horas antes do acidente. Porém, o delegado explicou que, devido ao lapso temporal, a polícia não pôde concluir se Marcinho estava sob efeito de álcool no momento do atropelamento.

Últimas