Balanço Geral Bruno Covas pretende investir na desburocratização para gerar empregos

Bruno Covas pretende investir na desburocratização para gerar empregos

Candidato à Prefeitura de São Paulo passou por sabatina do Balanço Geral SP nesta quinta-feira (12) 

Reinaldo Gottino entrevista Bruno Covas

Reinaldo Gottino entrevista Bruno Covas

Antonio Chahestian/Record TV

Nesta quinta-feira (12), Bruno Covas (PSDB) foi o último entrevistado da série de sabatinas realizadas pelo Balanço Geral desde a última sexta-feira (6) com os cinco candidatos à Prefeitura de São Paulo melhor posicionados nas pesquisas de intenção de voto do Instituto Real Time / Big Data. Conduzido por Reinaldo Gottino, cada encontro teve duração de 15 minutos,

Na entrevista, o candidato e atual prefeito comentou temas que preocupam a população, como criação de creches, o aumento do número de moradores de rua, a questão da Cracolândia. Falou também dos problemas na área da saúde, agravados pela pandemia do conoravírus, e destacou que uma prioridade para o ano que vem é reduzir as filas que aumentaram nesse período. 

Covas também defendeu alguns pontos de sua gestão, como as ações realizadas durante a pandemia, segundo ele adotadas por critérios sempre técnicos. Reconheceu a queda de receita causada pela crise, mas garantiu prioridade para alguns setores. “O orçamento do ano que vem é menor, mas para áreas estratégicas de saúde, educação e emprego ele é maior”, afirmou.

Em relação à geração de empregos, especificamente, Covas disse: “Vamos continuar esse processo de apostar na desburocratizar para ter investimentos na cidade de São Paulo.”  Além disso, o candidato planeja incentivar o setor da construção civil e apostar na economia criativa.

Questionado por Gottino sobre a falta de participação em sua campanha de um importante aliado, o governador, Covas reafirmou a aliança: “Ele deixou muito claro que sou o candidato dele. Eu deixei muito claro que eu tenho o apoio do governador João Doria. O que não tem sentido é a população ter que ficar vendo o governador parar seus afazeres, deixar de cuidar dos outros 644 municípios, para focar na cidade de São Paulo. O candidato aqui sou eu, nós estamos tratando dos temas da cidade de São Paulo”. 

O Balanço Geral SP é exibido de segunda a sexta, às 11h50, e aos sábados em edição especial, a partir das 13h.

Últimas