Balanço Geral "Sujeito dissimulado", diz delegado sobre principal suspeito do desaparecimento de Gabriela

"Sujeito dissimulado", diz delegado sobre principal suspeito do desaparecimento de Gabriela

As investigações apontam que ele tem um relacionamento estável com uma mulher, além de uma amante

Caso do desaparecimento de Gabriela continua um mistério

Caso do desaparecimento de Gabriela continua um mistério

Reprodução/RECORD

O Balanço Geral acompanha a investigação sobre o desaparecimento de Gabriela, uma jovem grávida, em Jaú, no interior de São Paulo. Segundo a polícia, o principal suspeito é um homem casado que seria o pai do bebê.

Os celulares de Gabriela e do único suspeito foram rastreados e aparecem próximos no dia seguinte ao desaparecimento. Os dois teriam trocado mensagens na ocasião.

O suspeito é um homem que teria envolvimento amoroso com Gabriela e, segundo a família, também seria o pai da criança. As investigações apontam que ele tem um relacionamento estável com uma mulher, além de uma amante.

A polícia investiga se ele e outra amante dele têm alguma relação com o sumiço de Gabriela. “Um sujeito dissimulado. Pelas entrevistas que tivemos com ele, nós temos suficientes indícios que ele seria o autor ou teria participação em um crime contra a Gabriela”, contou o delegado do caso.

O suspeito chegou a ser ouvido pelos agentes, mas alegou que o celular dele havia desaparecido. A polícia pediu a prisão preventiva do homem, mas a Justiça negou. Cristina Sales Nogueira, mãe da Gabriela, disse que o rapaz a acompanhou no dia em que ela foi fazer o teste de gravidez. Porém, ela teria retornado sozinha.

No dia em que desapareceu, Cristina afirmou que a filha não apresentou nenhum comportamento estranho. A jovem disse que ia até a casa de uma amiga em um bairro próximo e nunca mais voltou.

Confira na íntegra:

O Balanço Geral vai ao ar de segunda a sexta, às 11h50; e aos sábados, às 13h, na RECORD.

Últimas