Balanço Geral Caso Kethlen: policiais prestam depoimento e armas usadas serão periciadas

Caso Kethlen: policiais prestam depoimento e armas usadas serão periciadas

Grávida de quatro meses, a designer de interiores foi atingida por um tiro de fuzil no peito durante ação da polícia na comunidade do Lins, no Rio

A morte de Kathlen Romeu, de 24 anos, e do bebê que esperava, está causando comoção e indignação em todo o país. A designer de interiores, que estava grávida de quatro meses, foi atingida no peito por um tiro de fuzil durante uma operação da polícia na comunidade do Lins, na zona norte do Rio de Janeiro. Hoje (9), cinco policiais que participaram da ação já foram ouvidos e as armas usadas no confronto com criminosos serão periciadas. Testemunhas também serão ouvidas e a delegacia responsável pelo caso trabalha para identificar de onde partiu o tiro que atingiu a jovem.

Últimas