Balanço Geral Desaparecimento de advogada segue sem respostas após três meses de investigação

Desaparecimento de advogada segue sem respostas após três meses de investigação

Luciana Faleiro Heize foi vista pela última vez em 30 de setembro, deixando o prédio da mãe, em Porto Alegre

Após três meses de investigação, o desaparecimento da advogada Luciana Faleiro Heize, de 47 anos, segue sem solução. A mulher, que morava em Santa Catarina, estava em Porto Alegre (RS) para visitar os familiares. Luciana trabalhava legalmente para grupos criminosos. A mãe da advogada acredita que a filha foi capturada por eles após algum desentendimento.

Últimas