Balanço Geral Especialista analisa as mudanças de visual de Cupertino para não ser identificado

Especialista analisa as mudanças de visual de Cupertino para não ser identificado

Ao longo dos três anos foragido, o assassino acumulou muitos disfarces para escapar da prisão

A prisão de Paulo Cupertino, acusado de matar o ator Rafael Miguel e seus pais, põe fim à caça de quase três anos da polícia. Durante o período que passou foragido, o homem acumulou muitos disfarces e mudanças no visual. No estúdio do Balanço Geral, Reinaldo Gottino e Renato Lombardi conversam com o psicanalista Ricardo Ventura e com o repórter Thiago Gardinali, que analisam os disfarces do assassino.

Últimas