Balanço Geral Homem mata mãe e sobrinha a facadas após surto por falta de medicamento em SP

Homem mata mãe e sobrinha a facadas após surto por falta de medicamento em SP

Diego sofre de esquizofrenia e estava sem medicamento de uso continuo

Diego da Silva Neves, de 33 anos, foi preso em flagrante após assassinar a facadas da mãe e a sobrinha na casa onde moravam, no Grajaú, extremo sul de São Paulo. Dona Zita Maria da Silva Neves, de 62 anos, e a pequena Gabriele da Silva Neves, de 10, estavam dormindo quando o crime aconteceu. O próprio Diego acionou a Polícia Militar depois do crime e, antes de confessar a autoria, tentou incriminar a mãe. Segundo familiares, Diego sofre de esquizofrenia desde os 13 anos e tomava remédios controlados. Um dos medicamentos está em falta no posto de saúde e o rapaz pode ter sofrido um surto.

Últimas