Balanço Geral Jovem adotada por italianos volta ao Brasil para descobrir quem matou o pai biológico

Jovem adotada por italianos volta ao Brasil para descobrir quem matou o pai biológico

Pedro Oliveira foi morto a facadas em uma praça no centro de São Paulo, em 1998

Uma jovem de 25 anos dedica a vida em busca da verdade sobre o assassinato do pai. Jaala Olivera Piloni, de 25 anos, e a irmã foram adotadas ainda crianças por um casal de italianos após o pai, Pedro Oliveira, ser assassinado em uma praça no centro de São Paulo. De volta ao Brasil há cinco meses, a jovem chegou a encontrar a família biológica, mas ninguém quis revelar o motivo da morte do pai. O Balanço Geral acompanha Jaala na busca por informações. Confira!

Últimas