Balanço Geral Mulher acorda tetraplégica e médicos não sabem explicar o motivo

Mulher acorda tetraplégica e médicos não sabem explicar o motivo

Patrícia não consegue mexer nenhuma parte do corpo do pescoço para baixo e busca por tratamento há mais de três meses

Patrícia de Castro, de 35 anos, pede ajuda ao Balanço Geral para encontrar um tratamento para uma paralisia repentina que a deixou tetraplégica. Há três meses, após um dia normal de trabalho, a mulher foi dormir bem e acordou sem conseguir mexer nenhuma parte do corpo do pescoço para baixo. Após diversas consultas, até hoje os médicos não conseguem descobrir o que teria causado a condição.

Últimas