Balanço Geral No Dia dos Pais, José de Abreu lembra morte do filho, aos 21 anos

No Dia dos Pais, José de Abreu lembra morte do filho, aos 21 anos

José de Abreu fez um desabafo no Dia dos Pais falando da perda do primeiro filho. Rodrigo tinha 21 anos quando caiu da janela do apartamento que moravam no Rio de Janeiro, em 1992. “A maior dor de um pai é perder um filho. É a vida invertida. Este é o Rodrigo, meu primogênito, que cumpriu seu carma rápido demais. La se vão 28 anos. Um dia nos veremos de novo, filho", disse.

Últimas