Pai acusado de abuso pela filha é solto após perícia atestar que não houve crime

O caso de uma adolescente de 14 anos, que acusou o próprio pai de abuso sexual, teve uma reviravolta depois que a suposta vítima passou por exame de corpo de delito. O resultado não comprovou o abuso e o pai da garota, que tinha sido preso, foi solto. Em entrevista exclusiva, ele e seu advogado afirmam que tudo não passou de uma invenção da adolescente por ter sido proibida de namorar antes dos 15 anos.