Balanço Geral Professor universitário denuncia racismo após ser atacado com canivete

Professor universitário denuncia racismo após ser atacado com canivete

O jornalista e professor universitário Juarez Xavier, de 60 anos, denunciou um homem de 30 anos que o atacou com golpes de canivete depois de ser chamado pejorativamente de macaco ao atravessar uma rua em Bauru, no interior de São Paulo. A agressão aconteceu após uma discussão entre a vítima e o suspeito. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse o PlayPlus.com