Balanço Geral Síndica de condomínio manda amante matar morador do prédio

Síndica de condomínio manda amante matar morador do prédio

Vizinho havia descoberto que a mulher desviou dinheiro dos moradores

Carlos Eduardo Montequiari, de 56 anos, era morador e ex-membro do conselho fiscal de um condomínio de luxo na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Desconfiado, ele levantou informações e convocou uma assembleia para apresentar um dossiê com provas de possíveis desvios na administração da atual síndica. Priscila de Oliveira e Carlos eram inimigos declarados. Quatro dias antes da reunião, o homem foi baleado em frente ao trabalho. A polícia inicialmente pensou que o crime fosse um latrocínio, porém, a investigação apontou que o autor era Leonardo Lima, supervisor de segurança do prédio. Ele era amante de Priscila, que ordenou o crime. Os dois foram presos na terça-feira (16). 

Últimas