Xerife do Consumidor mostra comércio que cobrava taxa para receber contas

Jorge Wilson, o Xerife do Consumidor, recebeu uma denúncia e foi acompanhar uma blitz na cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo. Alguns comerciantes estão aproveitando a pandemia de coronavírus para lesar o consumidor. O Xerife foi até um comércio que funciona como uma espécie de "posto bancário", onde as pessoas podem pagar as contas. Deveria ser um serviço de graça, só esse comerciante estava cobrando uma taxa das pessoas. Para assistir ao Balanço Geral na íntegra acesse PlayPlus.