Entrevistas André Marinho comemora volta do Br’Oz e clima de união do Canta Comigo: "É um presente"

André Marinho comemora volta do Br’Oz e clima de união do Canta Comigo: "É um presente"

Músico revela os motivos que fizeram o grupo se reunir e destaca o que o público pode esperar do reality musical da Record TV

  • Entrevistas | Juliana Lambert, do site oficial

André Marinho conta o que o público pode esperar dos próximos episódios do Canta Comigo

André Marinho conta o que o público pode esperar dos próximos episódios do Canta Comigo

Arquivo pessoal/André Marinho

O ano de 2021 começou com tudo para o músico André Marinho, que além de fazer parte dos 100 especialistas do júri do reality musical Canta Comigo 3, que vai ao ar aos domingos, na Record TV, também retomou o grande sucesso da boy band brasileira Br’Oz (grupo formado por meio de um concurso em 2003).

“Eu estou muito feliz. O Canta Comigo é um presente na minha vida. Por se tratar de um reality musical, eu me identifico ainda mais, porque o Br’Oz é uma banda formada através de um concurso. Me vejo nos candidatos e entendo suas ansiedades”, comenta André Marinho.

O músico também fala sobre os motivos que levaram o grupo a se reunir novamente em 2021: “A volta se dá pela nossa amizade e afinidade musical, que é única; o pedido dos fãs que jamais nos abandonam; e uma gravadora séria, a Midas Music, do Rick Bonadio, que esteve com a gente construindo o começo disso tudo em 2003”, revela.

Experiente no júri do Canta Comigo, André fala sobre as diferenças entre a versão teen e a adulta do reality. “Com as crianças, o ‘fofurometro’ é ativado antes mesmo delas cantarem. Nós temos que ter muito cuidado com as palavras para não frustramos o começo de um sonho. No caso dos adultos, a grande maioria está no mercado de trabalho e recebem as críticas com mais tranquilidade”.

André Marinho também reforça o clima de união e descontração entre os jurados, que tem feito o público de casa se divertir após cada apresentação: “É muito legal ver os jurados entrando nessa brincadeira. Somos uma grande família com estilos diferentes que se completam. Uma piada só é legal quando tem alguém que dê risada, uma música só é emocionante se tiver quem se emocione, e assim por diante... Por isso, eu sempre falo que juntos sempre seremos mais fortes. Tanto que a perfeição dentro da competição só se dá quando todos se levantam para cantar, e as 100 vozes em um só coro aprovam o candidato e contagiam o público em casa”.

Para o músico, a temporada tem como diferencial as trajetórias dos candidatos e também o ‘karaokê’ dos jurados: “Nos deparamos com histórias incríveis e o nível dos candidatos está altíssimo, arrisco a dizer que é o mais forte que já vimos. Eu me emociono a cada episódio, com histórias de luta e situações curiosas, algumas idênticas as que passei, como a da Nethinha, que saia escondida dos pais para fazer shows. Outro ponto bacana é o karaokê, onde alguns jurados interpretam canções pontuais que marcaram gerações”, destaca.

Nos deparamos com histórias incríveis e o nível dos candidatos está altíssimo, arrisco a dizer que é o mais forte que já vimos

André Marinho

André Marinho acredita que o lado humano está mais evidente na terceira temporada e avisa:  “Se preparem para grandes apresentações, vai ser impossível não se emocionar! Tem canções de todos os estilos, escolhas surpreendentes e duelos inesquecíveis”, finaliza.

Sob o comando de Rodrigo Faro, o Canta Comigo 3 vai ao ar todo domingo, a partir das 18 horas, na tela da Record TV.

Últimas