Entrevistas “Um prato cheio para quem gosta de espetáculo”, diz Beto Marden

“Um prato cheio para quem gosta de espetáculo”, diz Beto Marden

Expert em realities, o jurado do Canta Comigo 3 revela como é a experiência de estar do outro lado do palco

  • Entrevistas | Juliana Lambert, do site oficial

Beto Marden é jurado da terceira temporada do Canta Comigo

Beto Marden é jurado da terceira temporada do Canta Comigo

Arquivo pessoal/Beto Marden

Quando o assunto é reality show, Beto Marden é expert. Já comandou realities musicais, se arriscou na pista de dança como participante do Dancing Brasil, foi repórter do The Four Brasil e agora é jurado do Canta Comigo 3.  “Tenho que confessar que a responsabilidade em cada função é diferente, mas ser jurado tem um peso, pois o resultado pode interferir no sonho de uma pessoa”, comenta.

Beto participou do reality Dancing Brasil na Record TV

Beto participou do reality Dancing Brasil na Record TV

Arquivo pessoal/Beto Marden

Bem antes de fazer parte do painel de 100 especialistas, Beto Marden já se aproximava do reality de um jeito bem especial. “Gravei os bastidores do programa quando era apresentado pelo Gugu [Liberato] para o jornalismo e também para o R7.com”, conta.

O jurado reforça que a sensação de estar do outro lado do palco é diferente. “A cada episódio, temos 12 artistas dando um show em um palco. É um privilégio e um prazer fazer parte do painel. Outra coisa bacana é o fato de ser tão eclético, de você estar ali ao lado de uma pessoa, que representa um ritmo e tem uma carreira totalmente diferente da sua. Todos têm muito para ensinar, é um grande aprendizado, há uma troca enorme ali”, observa Beto Marden.

Mas o que é preciso para levantar e cantar junto com o candidato? “Eu sou levado pela emoção, preciso sentir um arrepio e não é difícil acontecer. Eu amo música, o casting está muito bom, então eu levanto bastante. Sou exigente, mas quando me sinto tocado, já estou cantando junto. Os candidatos [da terceira temporada] estão muito fortes e me emociono bastante”, observa.

Eu sou levado pela emoção, preciso sentir um arrepio e não é difícil acontecer. Eu amo música, o casting está muito bom, então eu levanto bastante. Sou exigente, mas quando me sinto tocado, já estou cantando junto

Beto Marden

Beto admite que tenta não se influenciar pelas histórias dos candidatos para poder julgar a performance artística. “Mas as histórias influenciam muito na vida da pessoa e consequentemente na interpretação”, diz.

Ele tem se surpreendido a cada episódio com a nível das apresentações: “Não que um programa seja melhor que o outro, mas quando você acha que já viu de tudo, aparecem candidatos diferentes, novos recursos vocais e performances. Esse é o poder da arte e da música! Você tem as mesmas circunstâncias, mas cada apresentação é única”, comenta.

Beto Marden foi repórter do reality The Four Brasil

Beto Marden foi repórter do reality The Four Brasil

Arquivo pessoal/Beto Marden

Para o jurado, a pandemia mexeu muito com os artistas e tem refletido no palco do palco do Canta Comigo. “A gente tem uma grande parte de cantores profissionais que estão parados e chegam com uma energia e uma carga extra de vontade para aproveitar aquele momento. É uma superprodução, com um palco enorme, cada apresentação tem sua identidade, seu cenário digital exclusivo. É um espetáculo”.

Beto prova que não faltam bons motivos para ficar ligado na Record TV aos domingos: “É um prato cheio para quem gosta de um bom espetáculo, de música e de ser envolvido. Tem muitas surpresas, candidatos incríveis, cantores solos, duplas e representantes de diversos ritmos. Além disso, está sendo um prazer estar ao lado do Rodrigo Faro, que tem conduzido com maestria, é uma escola estar ao lado dele”, finaliza.

O Canta Comigo 3 vai ao ar aos domingos, a partir das 18 horas, na tela da Record TV.

Últimas