Delegacia investiga morte de vendedor em posto de gasolina na Baixada Fluminense

A DHBF (Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense) instaurou inquérito para investigar a morte de Leone Moreno Chagas, na madrugada desta quinta-feira (18), em Mesquita. Segundo a polícia, testemunhas disseram que o rapaz trabalhava numa barraca de churrasquinho e que ao término do serviço foi até um posto de gasolina para encontrar amigos. No local, Leone se envolveu em uma discussão com um homem, que estava armado. Antes de atirar, o suspeito deu coronhadas na vítima, que chegou a ser socorrida a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro, mas não resistiu aos ferimentos.