Ex-policiais são presos em operação que apura tentativa de assassinato de Shanna Garcia

Um ex-policial civil e um ex-policial militar foram presos durante uma operação da DH (Delegacia de Homicídios) e do MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro). Eles são investigados no ataque a tiros sofrido por Shana Garcia, filha do bicheiro Maninho. Ela foi baleada em outubro de 2019 no bairro do Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio.