Cidade Alerta RJ Lázaro: "Nem todos agentes são treinados", diz coronel sobre caçada

Lázaro: "Nem todos agentes são treinados", diz coronel sobre caçada

Fundador do Bope do Rio de Janeiro, coronel Paulo César Amêndola, acredita que falta de capacitação atrapalha buscas

O coronel Paulo César Amêndola, fundador do Bope (Batalhão de Operações Especiais) do Rio de Janeiro, analisou as buscas ao serial killer Lázaro Barbosa, em Goiás, no Centro-Oeste do Brasil, que já duram 14 dias. "Nem todos os agentes são treinados para situações adversas", afirmou o coronel. Ele acredita que a falta de capacitação impede o êxito da caçada. 

Últimas