RJ: comandante diz que bombeiros morreram em incêndio pela inalação de fumaça

O comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Roberto Robadey, confirmou que os três militares que morreram durante um combate a um incêndio em uma casa noturna, no centro do Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (18), inalaram fumaça tóxica. O número de bombeiros feridos na tragédia subiu para três. Ainda segundo o comandante da corporação, o militar de 38 anos internado no Souza Aguiar em estado grave deve ser transferido a qualquer momento ao Hospital do Corpo de Bombeiros, no Estácio.