Caso Marisa: auxiliar de dentista desaparece e chefe dela é o principal suspeito

Marisa Aparecida dos Santos Domingues, 41 anos, foi vista pela última vez no dia 8 de dezembro de 2019

Marisa Aparecida dos Santos Domingues é uma auxiliar de dentista da cidade de Bofete, interior de São Paulo, que desapareceu no dia 8 dezembro de 2019.  O principal investigado pelo sumiço de Marisa é o chefe dela, o dentista Gilson Carboni.  Marisa trabalhava como auxiliar dele no consultório. O marido chegou a ser o principal suspeito, mas logo depois do desaparecimento, o dentista largou tudo para trás e fugiu com a esposa. Um mandado de prisão foi expedido. A polícia havia encontrado manchas de sangue no carro de Gilson. A última ligação que Marisa tinha recebido tinha sido do chefe.