Cidade Alerta Caso Thiago: análise preliminar não apontou sinais de agressão física no corpo do menino

Caso Thiago: análise preliminar não apontou sinais de agressão física no corpo do menino

Velório deve acontecer ainda nesta sexta-feira (16); principal linha de investigação aponta negligência com a criança

Thiago Vinicius estava desaparecido desde o último sábado (10)

Thiago Vinicius estava desaparecido desde o último sábado (10)

Reprodução/Record TV

O corpo de Thiago Vinicius, de 2 anos, foi encontrado nesta sexta-feira (16) no rio Tabagi, uma distância de cerca de 10 km do parque onde foi visto pela última vez em Londrina (PR). O Cidade Alerta acompanha as informações.

Após receber a notícia, Letícia Rocha, mãe do menino, passou mal e foi levada às pressas ao hospital. O corpo foi levado ao IML e liberado ainda nesta tarde. De acordo com pessoas próximas, o velório deve começar em breve.

A causa da morte ainda não foi confirmada, mas análises preliminares não constataram sinais de agressão física. 

Thiago estava desaparecido desde o último sábado (10), quando saiu para um passeio no parque Daisaku Ikeda, com sua mãe e o namorado dela.

Na versão de Letícia e David, o pequeno foi colocado no carro após o passeio, mas eles só perceberam sua ausência no caminho de casa. Nesta quinta-feira (15), um teste de luminol foi realizado no veículo da família e não identificou manchas de sangue.

A principal linha de investigação aponta negligência do casal com a criança.

O Cidade Alerta vai ao ar de segunda a sexta, às 16h50, e aos sábados, 17h, na tela da Record TV.

Últimas