Patrulha do consumidor: caso de estelionato vai parar na delegacia

O casal José e Crislene pediu a ajuda da Patrulha do Consumidor após pagar R$ 44mil em um carro que estava com mandado de busca e apreensão, e não receber o documento do veículo. Celso Russomano acompanhou o casal até a loja, porém o dono do local, Roberto, se recusou a conversar e tentou fugir do local. O caso acabou indo parar na delegacia. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse o PlayPlus.com