Cidade Alerta Carro de policial morto há um mês é deixado em frente a delegacia de Cubatão (SP)

Carro de policial morto há um mês é deixado em frente a delegacia de Cubatão (SP)

Polícia investiga se ato foi recado da maior facção criminosa do país

O carro de um policial morto em 22 de agosto foi deixado em frente a uma delegacia de Cubatão, litoral paulista. Marcelo Cassola, de 49 anos, foi executado com com 40 tiros de arma e um fuzil, mas seu veículo não havia sido encontrado. A polícia investiga o envolvimento da maior facção criminosa do país no crime, já que a região é dominada por membros do grupo.

Últimas