Cidade Alerta Caso Alany: mãe é suspeita de ter matado, esquartejado e escondido corpo da filha em geladeira  

Caso Alany: mãe é suspeita de ter matado, esquartejado e escondido corpo da filha em geladeira  

De acordo com a polícia, a mulher confessou o crime

Uma menina de 9 anos foi assassinada friamente, teve o corpo esquartejado e escondido dentro de uma geladeira pela própria mãe. Segundo a polícia, assim chegou à delegacia para prestar depoimento, Ruth teria confessado o crime que pode ter acorrido há mais ou menos um mês na zona leste de São Paulo.

Nessa época, ela conheceu um rapaz pela internet e se mudou para a casa dele no extremo sul da capital. Porém, um detalhe chamou a atenção durante a mudança: o cuidado excessivo com a geladeira. Desconfiada, a sogra dela encontra dentro do eletrodoméstico o corpo da menina. A polícia está investigando se Ruth teria feito outras vítimas.

Últimas