Cidade Alerta Corpo de cabeleireiro é encontrado com sinais de tortura e família suspeita de homofobia

Corpo de cabeleireiro é encontrado com sinais de tortura e família suspeita de homofobia

O cabeleireiro José Roberto Tavarez, de 47 anos, foi encontrado morto com sinais de tortura em uma área de mata na zona norte de São Paulo. A família suspeita que ele tenha sido vítima de homofobia. O corpo do cabeleireiro estava seminu e parcialmente carbonizado. José Roberto era muito querido em Ourinhos, cidade do interior do estado, onde cresceu e ficou conhecido como "Madonna" em homenagem à artista de quem sempre foi fã.

Últimas