Estudante é internado em estado grave após ser picado por cobra naja

Pedro Henrique Santos, de 22 anos, chegou a entrar em coma após ser picado por uma cobra da espécie naja albina, uma das mais perigosas e venenosas do mundo. O estudante de veterinária segue internado em estado grave enquanto a polícia do Distrito Federal investiga o caso, que pode se tratar de tráfico internacional de animais. Os agentes encontraram 16 cobras da mesma espécie, nativa de países da África e do sul da Ásia, abandonadas no DF. A cobra que picou o estudante está aos cuidados do Jardim Zoológico de Brasília. Para assistir ao Cidade Alerta na íntegra, acesse PlayPlus.com