Cidade Alerta Exclusivo: mulher que confessou que matou o namorado é perseguida por facção

Exclusivo: mulher que confessou que matou o namorado é perseguida por facção

Elisabete foi liberada após alegar legítima defesa, mas diz viver com medo

Em entrevista exclusiva ao Cidade Alerta, Elisabete, 39, confessa ter matado o namorado com um golpe de faca durante uma discussão por ciúme. Agora, ela está sendo perseguida e ameaçada pela família de Stéfano, 35, a vítima. Além dos familiares, membros da maior facção criminosa do país também estariam atrás de Elisabete. A auxiliar de limpeza se entregou à polícia, foi presa, alegou legítima defesa e foi liberada – mesmo assim, vive com medo. O caso é de Guarulhos (SP).

Últimas