Cidade Alerta Guerra interna de facção criminosa provoca mortes

Guerra interna de facção criminosa provoca mortes

Corpo achado esquartejado em SP pode ser nova vítima da guerra

Um empresário jurado de morte por uma facção criminosa teria pago R$ 200 mil para um assassino de aluguel matar os criminosos Anselmo e "Sem sangue". A organização criminosa descobriu e matou Noé, o matador de aluguel, e logo em seguida, a cúpula da facção descobriu que o empresário Antônio teria desviado R$20 milhões em uma das transações.

Últimas