Homem atira e mata cunhado na véspera do dia dos pais

Francisco de Assis Araújo, de 51 anos, morreu após ser atingido pelo parente, Oziel Silva Feitosa, autor dos disparos, com a ajuda do próprio sobrinho, Guilherme Marques Feitosa, filho de Oziel. A esposa e um dos filhos de Francisco ainda tentaram impedir o crime, mas também foram atacados. Pai e filho estão foragidos e a família não consegue entender o motivo para o ato tão violento. Todos moravam no mesmo local, em Itapevi, Região Metropolitana de São Paulo.