Cidade Alerta Homem conhecido como 'Matador de Mairiporã' se entrega à polícia

Homem conhecido como 'Matador de Mairiporã' se entrega à polícia

Segundo uma testemunha, o motivo do ataque seria uma briga antiga

A polícia acredita que o assassino da família de Mairiporã, na Grande São Paulo, não agiu sozinho. Renato Nunes Consentino, de 40 anos, invadiu a casa dos vizinhos, matou três pessoas e feriu duas. Dona Emília, de 74 anos, e seu José Benedito, de 78, foram mortos carbonizados. Ailton, de 41 anos, foi morto a facadas. Renato ainda atacou Iria, de 53 anos, que está hospitalizada e o filho dela Erick, de 33 anos, que já teve alta do hospital. O matador chegou à delegacia na tarde da última quarta (22) ao lado da esposa para se entregar à polícia.

Últimas