Cidade Alerta Mulher anda 8 km em matagal para escapar do ataque mortal do ex-companheiro

Mulher anda 8 km em matagal para escapar do ataque mortal do ex-companheiro

Jonas Brito foi preso por tentativa de feminicídio, mas negou a autoria do crime à polícia de Palmas (TO)

Irene foi espancada e levada para o meio de um matagal pelo ex-companheiro, em Palmas (TO). Após levar Irene para a mata, Jonas Brito disparou duas vezes contra a vítima, mas a arma falhou. Na terceira tentativa, a mulher foi atingida de raspão na nuca. Não satisfeito, Jonas ameaçou esfaquear Irene, que saiu correndo em busca de ajuda. A vítima percorreu cerca de oito quilômetros até conseguir escapar do agressor, que foi preso e negou a autoria do crime

Últimas