Cidade Alerta No interior de SP, comerciante é assassinado por não aceitar pagamento com cartão

No interior de SP, comerciante é assassinado por não aceitar pagamento com cartão

Iraíldo ficou furioso por não conseguir pagar a conta com seu cartão e golpeou o dono da adega com uma faca

Um assassino está à solta, graças a burocracia judicial. Iraíldo Corrêa Costa, de 18 anos, assassinou o comerciante Deocacir Mariano Luz, de 63 anos. O dono da adega onde o crime aconteceu, não aceitou pagamento com cartão, o que causou a ira do criminoso, que o golpeou com uma faca e fugiu. Segundo amigos da família, o autor teria voltado ao local para ver a ação da polícia. Um dia depois, Iraíldo foi encontrado, negou o crime e, sem flagrante, saiu da delegacia. Depois de outros indícios, a polícia conseguiu mandado de prisão temporária e Iraíldo foi levado novamente para a delegacia e confessou o crime, mas como não foi expedido o mandado de prisão preventiva a tempo, o assassino foi liberado e sumiu.

Últimas