Polícia tenta encontrar criminoso que estuprou e matou a própria tia 12 anos atrás

O crime aconteceu na cidade de Cosmópolis (SP), 12 anos atrás. Carlos Magno, hoje com 34 anos, fugiu um dia antes de ser desmascarado pelo exame de DNA. Em São Paulo, ele passou a adotar outro nome, o de Guinho Sanches, se casou e teve um filho. Agora, a polícia finalmente descobriu o paradeiro de Carlos Magno, mas ele soube que estava sendo procurado através de um post que viralizou nas redes sociais e fugiu novamente. As buscas continuam. Para assistir ao Cidade Alerta na íntegra, acesse PlayPlus.com