Cidade Alerta Polícia trabalha para prender mulher apontada como coveira do tribunal do crime

Polícia trabalha para prender mulher apontada como coveira do tribunal do crime

Batizada de Bonnie por chefe do PCC, a mulher é acusada de enterrar os corpos das vítimas da facção criminosa

A Polícia Civil de São Paulo trabalha para capturar Cintia Oliveira Marco, de 31 anos. A mulher, batizada de Bonnie por Jagunço, um dos chefões do PCC, é apontada como a responsável por enterrar as vítimas do tribunal do crime da facção criminosa. Bonnie está foragida junco com o companheiro, Marciano dos Santos Marco, o Karatê. O casal conseguiu escapar por pouco da prisão em Bofete, no interior de São Paulo.

Últimas