Domingo Espetacular Diretor de faculdade é suspeito de matricular traficantes brasileiros em curso de medicina no Paraguai

Diretor de faculdade é suspeito de matricular traficantes brasileiros em curso de medicina no Paraguai

O diretor-geral da UCP, o brasileiro Aparecido Carlos Bernardo, nega ter relação com os criminosos

A Polícia Federal investiga o diretor-geral de uma faculdade que fica no Paraguai. Ele é suspeito de matricular traficantes brasileiros em cursos de medicina nas fronteiras do país. Com a carteirinha e o uniforme da universidade, os criminosos têm livre trânsito e podem traficar drogas. O diretor-geral da UCP, o brasileiro Aparecido Carlos Bernardo, nega ter relação com os criminosos.

Últimas