DNA do apito: família forma quarteto de arbitragem

No futebol, não são poucos os casos de filhos de jogadores que seguem os passos do pai, uns com menos e outros com mais sucesso. Mas não é só o amor por jogar que passa de geração em geração. O amor por apitar também pode estar no DNA. Conheça Luiz Fernando, Soledade, Bruno e Leonardo, pai, mãe e filhos que formam um quarteto de arbitragem. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse PlayPlus.com