Fala Brasileiro Sete a cada dez brasileiros não se sentem seguros onde moram

Sete a cada dez brasileiros não se sentem seguros onde moram

O Instituto Real Big Data apontou que 31% reconhecem a busca por melhores salários como um bom motivo para mudar de localidade

Pesquisa aponta as impressões do brasileiro sobre sua cidade

Pesquisa aponta as impressões do brasileiro sobre sua cidade

Pexels/Kaique Rocha

A segurança está no topo da lista de preocupações dos moradores das grandes cidades brasileiras. Segundo pesquisa realizada pelo Instituto Real Big Data nas principais capitais, entre os dias 24 e 25 de janeiro, 74% dos entrevistados não se sentem seguros onde moram.

Entre os moradores das localidades que mais temem, estão Rio de Janeiro (RJ) e Recife (PE), com 81%. São Paulo (SP) e Manaus (AM) seguem em segundo lugar, com 78%.

Mesmo com a crescente preocupação com segurança, apenas 29% mudariam de endereço por conta desse motivo. Enquanto 64% admitiram gostar da cidade onde moram e apenas 39% demonstraram o desejo por mudança. 

Para 31% dos brasileiros, a busca por melhores oportunidades e salários é um bom motivo para deixar a cidade onde moram e 18% disseram que a motivação principal é uma vida mais tranquila, enquanto 15% reconheceram que serviços públicos ruins poderiam impulsionar a troca de endereço.

Na hora de relacionar o que menos gostam onde moram, 39% apontaram o trânsito, 32% destacaram a violência, 11% poluição e 7% sentem falta de áreas verdes.

Já no momento de listar o que mais gostam em suas cidades, 24% destacaram o mercado de trabalho, 22% falaram sobre a oportunidade de ganhar dinheiro, 17% reforçaram a oferta de lazer, entretenimento e cultura, e 15% a infraestrutura urbana. 

Veja o infográfico com alguns dados da pesquisa:

undefined
Infográfico traz alguns dados da pesquisa realizada pelo Instituto Real Big Data

Infográfico traz alguns dados da pesquisa realizada pelo Instituto Real Big Data

Arte R7

Últimas